(Crédito: Reprodução)

Após quase três dias desaparecida, a estudante Mayara Balbino Silva, de 18 anos, foi localizada pela família na noite desta segunda-feira (14). De acordo com a mãe, Maria Aparecida da Silva, a jovem entrou em contato com o pai de uma delegacia em Maceió, onde estava com a prima.

“Não sei direito como foi o contato, mas a prima dela ligou para o pai da Mayara, que foi busca-las. Ela não quis dizer o que aconteceu, só me falou que estava na casa de uma amiga esse tempo todo. Eu dei uns conselhos a ela. Se quiser seguir, tudo bem. Já é maior de idade…”, explicou Maria Aparecida.

O caso

A mãe relatou ao TNH1 que a filha teria saído da casa do pai, no bairro Ouro Preto, por volta das 17h de sexta (11), para ir a uma festa em Cruz das Almas, mas não deu mais notícias. A mãe soube através da prima de Mayara, que estava com ela na festa, que a jovem iria dormir na casa onde o evento aconteceu e só voltaria depois do almoço no sábado.

Ao perceber que sua filha não havia voltado para casa, Maria Aparecida procurou a dona da residência em Cruz das Almas. A proprietária da casa afirmou que Mayara não dormiu no local naquela noite e disse que ela saiu com um rapaz, morador da cidade de Rio Largo.

A polícia iniciou as investigações pela manhã, e a prima de Mayara foi a primeira pessoa intimada a depor.

com TNH1

Deixe seu comentário

Os comentários postados sobre esta matéria são de inteira responsabilidade de seus idealizadores, não representando em nenhuma instância a opinião do site Via Alagoas ou de seus colaboradores e parceiros.