com Assessoria

Em decorrência de um pedido de vista ao projeto, apresentado pelo vereador José Venâncio, a votação do novo Código Tributário de São Miguel dos Campos, foi adiada. Os vereadores se reuniram nesta terça-feira (03), durante a sessão ordinária, para analisar as mudanças propostas pelo Poder Executivo, e deliberar outros assuntos de interesse da população.

Para o vereador Alfredo Moura, o momento pede cautela. “Estamos falando de um projeto que irá mexer com o bolso dos empresários e comerciantes e, consequentemente, da população em geral. Se elevarmos a tributação, o repasse do aumento vai cair no ‘colo’ do consumidor, isso é fato”, argumentou.

Durante a sessão, os parlamentares apreciaram  as indicações de nº 94/2017 de autoria  do vereador Pedro da Saúde, que solicita a instalação de contêineres de lixo na Rua Diógenes Almeida Celestino; a de nº 97/2017 do vereador Diney Torres, que pede a criação de uma quadra poliesportiva no Bairro de Fátima; a de nº 98/2017 da vereadora Djanete Rodrigues, que pede a reforma e revitalização da praça da TV, no bairro José Calazans; a de nº 100/2017 da vereadora Irmã Graça, que reivindica da Secretaria de Saúde, a realização de exames rápidos como HIV e Beta HGG; e a de nº 101/2017 da vereadora Giselda Cavalcante, que solicita o recapeamento asfáltico do Loteamento Edgar Soares Palmeira, no bairro de Fátima.

Também foi aprovado o requerimento nº 16/2017 do vereador Alfredo Moura, que solicita da secretaria de educação, as cópias das folhas de pagamentos realizados pela pasta. Ao término da sessão, o presidente da Casa, Maxwell Idalino,  anunciou a realização de uma Audiência Pública no próximo dia 10, no plenário da Casa, que discutirá o Plano Plurianual /PPA  e a Lei de Diretrizes Orçamentárias/ LDO para o exercício de 2018.

Curta a página do ViaAlagoas no Facebook, @VIAalagoas no Twitter e no Instagram. WhatsApp: (82) 99113.7446.