Ronaldo Oliveira/RCortez/CSA

O CSA estragou a festa do Fortaleza e evitou a conquista do título para o Tricolor na noite desta terça-feira (6). O Azulão arrancou o empate em 1 a 1 na Arena Castelão, em Fortaleza, Ceará, e conquistou um ponto importante na briga pelo acesso. O jogo valeu pela 35ª rodada da Segundona. Dodô abriu o placar aos 35′ da etapa inicial e Hugo Cabral empatou aos 36′ do segundo tempo.

Com o ponto fora de casa, o Azulão agora tem 58 pontos e retomou a vice-liderança no final da 35ª rodada. O Tricolor de Aço chegou aos 65 pontos e segue na liderança isolada. O Leão já pode conquistar o título da Série B na próxima rodada. Veja a tabela no fim da matéria.

Próxima rodada

PUBLICIDADE

O CSA tem confronto direto com o Atlético-GO no sábado (10), às 16h (de Alagoas), no Rei Pelé, em Maceió, Alagoas. O Fortaleza joga com o Avaí também no sábado, às 16h30 (de Alagoas), na Ressacada, em Florianópolis, Santa Catarina.

Leão na frente

Marcelo Cabo surpreendeu e promoveu quatro mudanças no time. Saíram Leandro Souza, por lesão, Rafinha, Daniel Costa e Walter, por opção tática. Elivelton, Matheus, Juan e Rubens iniciaram o jogo. Com a postura defensiva, o Azulão ficou recuado e passou boa parte do primeiro tempo esperando uma brecha para o contra-ataque.

Empurrado por um Castelão lotado, o Fortaleza tomou as rédeas da partida. Aos 4′, Nenê Bonilha bateu falta colocado e a bola passou por cima da trave. Aos 13′, Hugo Cabral construiu jogada individual pela esquerda, finalizou de longe e mandou para fora. Aos 17′, Marcinho cruzou com veneno, mas Gustavo não alcançou. Melhor em campo, o Leão continuou pressionando. Aos 26′, Dodô ganhou a sobra na entrada da área azulina, soltou a pancada e por pouco não anotou o dele. Aos 30′, Didira virou o pé em lance na lateral do campo e saiu lesionado. Pio entrou logo depois.

O Tricolor de Aço aproveitou o momento de cochilo da defesa alagoana e abriu o placar aos 35′. Diego Jussani lançou nas costas da linha defensiva, Dodô dominou sozinho, finalizou no alto e marcou um golaço. A partir daí o CSA adiantou o time e foi para cima. Aos 41′, Rubens arriscou da intermediária e Boeck salvou com o pé.

Azulão arranca o empate

Os técnicos não mexeram no intervalo. O Fortaleza voltou assustando logo aos 4′. Marlon recebeu passe de Marcinho e chutou no canto para fora. O CSA quase empatou aos 11′. Rubens aproveitou vacilo de Ligger, tocou por cima, Boeck ainda desviou e a bola beijou o travessão. Aos 15′, Cabo trocou Matheus por Neto Berola. O CSA sentiu confiança e se lançou ao ataque. Aos 24′, Berola fez a jogada e cruzou para Cabral, que se enrolou e finalizou muito mal. Cabo seguiu mexendo e fez a última alteração aos 28′, trocando Dawhan por Jhon Cley.

Aos 29′, Hugo Cabral novamente teve chance na frente de Boeck, e o goleiro levou a melhor. De tanto martelar, o CSA igualou o placar aos 36′. Pio bateu escanteio, Jhon cley desviou e Hugo Cabral apareceu na segunda trave para empurrar de peito e empatar a parada. Os dois times ainda tiveram oportunidade de marcar.

Aos 40′, Éderson finalizou com violência e Frigeri espalmou. No lance seguinte, Berola acionou Rubens na entrada da área, o atacante pegou de primeira e isolou. Com o empate no placar, o Azulão segurou o resultado, adiou o título do Fortaleza e conquistou um ponto importante na luta pelo acesso à Série A.

Ficha técnica

Fortaleza

1- Marcelo Boeck
2- Tinga
3- Diego Jussani
4- Ligger
14- Adalberto (16- Leonan, aos 26′ do 2º tempo)
15- Felipe (8- Derley, aos 22′ do 2º tempo)
17- Nenê Bonilha
7- Marcinho
10- Dodô
11- Marlon (91- Éderson, aos 14′ do 2º tempo)
9- Gustavo

Técnico: Rogério Ceni

Banco: 12- Gabriel Felix, 5- Anderson Uchôa, 8- Derley, 13- Roger Carvalho, 16- Leonan, 17- Rodolfo, 19- Wilson, 20- Romarinho, 22- Pablo, 23- Max Walef, 25- Igor Henrique e 91- Ederson.

CSA

1- Lucas Frigeri
22- Celsinho
14- Elivelton
4- Xandão
13- Matheus (7- Neto Berola, aos 15′ do 2º tempo)
5- Yuri
8- Dawhan (16- Jhon Cley, aos 28′ do 2º tempo)
19- Didira (30- Pio, aos 32′ do 1º tempo)
15- Juan
11- Hugo Cabral
9- Rubens

Técnico: Marcelo Cabo

Banco: 12- Felipe, 6- Rafinha, 7- Neto Berola, 10- Daniel Costa, 16- Jhon Cley, 17- Echeverría, 18- Walter, 20- Velicka, 23- Rony, 25- Welllington Silva e 30- Pio.

Gols

Fortaleza: Dodô (35′ do 1º tempo).

CSA: Hugo Cabral (36′ do 2º tempo).

Cartão amarelo

CSA: Xandão, Juan.

Arbitragem

Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (CBF/PE);

Auxiliar 1: Clovis Amaral da Silva (CBF/PE);

Auxiliar 2: Marcelino Castro de Nazaré (CBF/PE);

4º árbitro: Luiz César de Oliveira Magalhães (CBF/CE).

Tabela fornecida pelo site Sr. Goool

C Participantes PG J V E D GP GC SG %A

 Fortaleza-CE 65 35 19 8 8 49 31 18 61,9

 CSA-AL 58 35 16 10 9 47 36 11 55,2

 Goiás-GO 57 35 17 6 12 51 47 4 54,3

 Avaí-SC 57 35 15 12 8 49 31 18 54,3

 Londrina-PR 54 35 15 9 11 44 39 5 51,4

 Ponte Preta-SP 53 35 14 11 10 39 30 9 50,5

 Atlético Goianiense-GO 52 35 14 10 11 51 49 2 49,5

 Vila Nova-GO 52 35 13 13 9 34 31 3 49,5

 Guarani-SP 50 35 13 11 11 42 36 6 47,6

10º

 São Bento-SP 46 35 11 13 11 38 36 2 43,8

11º

 Figueirense-SC 46 35 11 13 11 44 43 1 43,8

12º

 Coritiba-PR 46 35 11 13 11 38 42 -4 43,8

13º

 Oeste-SP 44 35 9 17 9 35 37 -2 41,9

14º

 Brasil-RS 43 35 11 10 14 33 34 -1 41

15º

 Criciúma-SC 42 35 10 12 13 38 44 -6 40

16º

 CRB-AL 41 35 10 11 14 28 34 -6 39

17º

 Paysandu-PA 37 35 8 13 14 35 46 -11 35,2

18º

 Juventude-RS 35 35 7 14 14 26 39 -13 33,3

19º

 Sampaio Corrêa-MA 32 35 8 8 19 29 44 -15 30,5

20º

 Boa Esporte-MG

 

com TNH1