Corpo foi encontrado às margens da AL-101 Sul, em um canavial da cidade de Roteiro | Reprodução/Vídeo/Hélio Góes

O delegado João Marcelo, titular da delegacia de São Miguel dos Campos, confirmou à reportagem da TV Pajuçara que o corpo encontrado da manhã desta quinta-feira (13), em um canavial na cidade de Roteiro, às margens da rodovia AL-101 Sul, pertence ao motorista de aplicativo Antônio Vitor Neto, de 21.

Vitor (foto abaixo) estava desaparecido desde a noite de ontem quando foi a Marechal Deodoro levar uma passageira ao Francês. De acordo com o que foi apurado pelo jornalista Henrique Pereira, Vitor teria compartilhado a viagem com um grupo de motoristas de aplicativo, assim como a sua localização em tempo real.

Os colegas de profissão viram que ele deixou a cidade de Marechal Deodoro em direção a Barra de São Miguel, balneário do Litoral Sul do Estado.

PUBLICIDADE

A trajetória confere com a relatada por uma liderança dos motoristas de Uber em Alagoas, Anselmo Romão. Ele afirmou ao TNH1 que Vitor deixou uma passageira no Francês, e enquanto aguardaria novos chamados, teria sido abordado por dois bandidos que o obrigaram a ir até o Trevo do Gunga, onde o carro foi visto por testemunhas.

A Polícia Militar confirmou à reportagem, também na manhã de hoje, que o carro de Vitor, um Chevrolet Celta, de cor vermelha e placas OHG-1931, foi abandonado em Marechal Deodoro, antes da entrada do Francês.

O veículo pode ter sido utilizado por criminosos para cometer outro homicídio, que vitimou Emerson Lucas da Silva, de 23 anos, na Barra de São Miguel, na noite de ontem. Nesse segundo caso, testemunhas afirmam que foi usado um Celta vermelho, semelhante ao que era dirigido por Vitor.

com TNH1 e TV PAJUÇARA