Os acusados de esquartejar, decapitar e enterrar em cova rasa um jovem na cidade de Roteiro, em maio deste ano, foram presos durante uma operação das forças de segurança pública de Alagoas. Entre os acusados há dois reeducandos do sistema prisional que foram alvos de mandados expedidos pela 4ª Vara Criminal de São Miguel dos Campos.

De acordo com a polícia, foram presos Genival Marques da Conceição, Jardielson dos Santos Ferreira, conhecido como Rubinho, Edimundo Pereira da Silva Santos e Gabriel Barbosa dos Santos. Também foram cumpridos mandados no sistema prisional contra Kauano Leandro dos Santos, o Kauã, e Janderson Ferreira dos Santos Silva, o Dunga.

As informações dão conta ainda que os presos são acusados no envolvimento da morte de Allan Izidoro da Silva. A vítima foi alvejada por disparos de arma de fogo, esquartejada, decapitada e enterrada em uma cova rasa. Seu corpo foi encontrado em 29 de maio, após ser dado como desaparecido por três dias antes do achado do cadáver.

As informações dão conta que a vítima teria sofrido um atentado em fevereiro com um homem, que na ocasião teria morrido. As informações da PC dão conta que a vítima era membro de uma facção criminosa e que sua morte teria motivação o controle do tráfico de drogas.

com PC e ALAGOAS 24 HORAS

Deixe seu comentário

Os comentários postados sobre esta matéria são de inteira responsabilidade de seus idealizadores, não representando em nenhuma instância a opinião do site Via Alagoas ou de seus colaboradores e parceiros.